Delegação participa do maior fórum anual da OCDE, em Paris

Já pelo quinto ano consecutivo, o Diplomacia Civil embarca esta semana para Paris, França, com uma delegação de peso que participará do OECD Forum 2019, evento anual que promove o debate entre governos, sociedade civil, terceiro setor, acadêmicos e representantes da OCDE sobre como enfrentar os principais desafios econômicos, sociais e políticos, decorrentes da economia globalizada.

Cinco jovens brasileiros farão parte da 20a edição do fórum, que reúne mais de 3 mil pessoas dos mais diversos países. Este ano, o tema será “World in EMotion”, refletindo para quatro questões principais: novo contrato social; integridade e confiança; digitalização e o futuro do trabalho; e Cooperação Internacional.

Como processo preparatório para a viagem, os delegados passaram por cinco Diplo.Labs (workshops) e estão em fase de finalização de seus artigos, com temas voltados ao assunto do fórum – sugeridos por eles mesmos -, orientados por um professor especialista. Já em Nova York, a delegação contará, além das palestras e debates do evento, com agenda exclusiva de reuniões e encontros com líderes e especialistas, promovidos pela coordenação do Diplomacia Civil.

Conheça a delegação:

Ana Luiza Moura é graduanda em Relações Públicas pela Faculdade Cásper Líbero e em Relações Internacionais pela Universidade Federal do ABC. Desenvolve pesquisas na temática de Comunicação e Trabalho na Cultura Organizacional e de Política e Economia Internacional. Trabalhou como Strategic Business no World Trade Center São Paulo e hoje atua na área de Pesquisa e Desenvolvimento na Associação Brasileira de Pesquisadores de Mercado Opinião e Mídia. Autora da coluna semanal “O mantra é o diálogo”, no site Observatório da Comunicação Institucional. Em 2017, ganhou o primeiro lugar de xadrez feminino no Novo Desporto Universitário.

Antonio Pedro Faria é graduado em Economia pela Universidade de São Paulo (FEA/USP) e em Direito pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), mestrando em Direito e Desenvolvimento Econômico na Fundação Getúlio Vargas. Já trabalhou com pesquisa econômica aplicada e posteriormente com direito regulatório. Atualmente é pesquisador do Centro de Estudos do Comércio Global e Investimento da Fundação Getúlio Vargas (CCGI-FGV) e estuda os potenciais impactos jurídicos e regulatórios no Brasil na hipótese de adesão à OCDE.

 

Flávia Calmon é advogada, graduada pela Faculdade de Direito de Vitória – FDV. Atualmente, participa do programa de residência jurídica na Procuradoria do Estado do Espírito Santo – atuando na setorial fiscal. Ao longo de sua graduação, estagiou em renomados escritórios de advocacia no Estado e realizou pesquisas na área de Direito Tributário Internacional, abordando, inclusive, a importância da OCDE nessa esfera. Além disso, realizou atividades extracurriculares relacionadas à resolução extrajudicial de conflitos e ao compliance.

 

Igor Cavalcante é graduado em Direito, pós-graduado em Direito e Relações Internacionais pela UNIFOR, Direitos Fundamentais pela Universidade de Oxford,  pós-graduando em Direito da Arbitragem pela Universidade de Lisboa e mestrando científico em Direito e Ciência jurídica com especialidade em Constitucional na mesma universidade. Tornou-se membro de grupos de pesquisa nas áreas Constitucional e Fundamentais, Direito Internacional e Direitos Humanos. É Membro da Comissão de Direitos Humanos e de Direito Internacional da OAB/CE, Conferencista Internacional com palestras nos Eventos de Direitos Humanos na Universidade Portucalense. É também voluntário no Buddy Program – Assessoria para Assuntos Internacionais Vice-Reitoria de Extensão UNIFOR.

Priscilla Machado é graduada em Direito e atualmente finaliza MBA em Gestão Tributária na Fundação Instituto de Pesquisas Contábeis, Atuariais e Financeiras (FIPECAFI), com trabalho de conclusão de curso na área de Direito Tributário Internacional, com foco no projeto BEPS e a atuação da OCDE, sendo esta Organização meu objeto de pesquisa desde a época da graduação. Já teve artigos publicados em Anais de Congresso, participou de grupos de pesquisa e competições internacionais na área jurídica como competidora e juíza. Atualmente  advogada da área tributária no escritório de advocacia Cescon Barrieu Flesch e Barreto.

Acompanhe nossas redes sociais (FacebookTwitter e Instagram) para ver tudo o que as delegadas estarão vivenciando no fórum.