Diretor do Global Attitude participa de primeira reunião de estratégias do Conjuve

Nesta última terça-feira (21), o Conselho Nacional de Juventude (Conjuve) realizou sua primeira reunião de Mesa Ampliada, composta pela Mesa Diretora e pelos presidentes das comissões, em Brasília, para estabelecer técnicas de planejamento, definir missão, visão e prioridades do Conselho e dar um pontapé inicial nos projetos definidos para 2018.

Eleito para um mandato de dois anos como presidente da Comissão de Relações Internacionais, o Diretor Executivo do Instituto Global Attitude, Rodrigo Reis, fez parte da reunião, ao lado do presidente do Conjuve, Anderson Pavin Neto, o vice-presidente, Marcus Barão, o secretário-executivo, Saulo Spinelly, e os presidentes das demais comissões: Jessica Ohana (Articulação e Diálogo), Camila Ribeiro (Comunicação), Maria das Neves (Programas e Políticas), Misael Rocha (Parlamento), Neílson Marques (Sinajuve) e Desire Queiroz (Relatora – Empreendedorismo e Inovação).

“Esta reunião é um evento que dá base a todo o planejamento do Conjuve e aos próximos passos. A Comissão de Assuntos Internacionais já tem um plano de trabalho desenvolvido e estamos em processo de aprovação para lançá-lo”, conta Rodrigo.

Presidentes das comissões e Mesa Diretora trabalham em Plano de Estratégias. Foto: Arquivo pessoal.

O encontro promoveu uma Oficina de Planejamento Estratégico que, além de analisar a situação do Conselho, serviu como formação e exercício para definir os Planos de Trabalho de todas as comissões. Ainda na pauta da reunião, a Mesa Diretora promoveu o lançamento de uma campanha de mapeamento, fortalecimento e ampliação dos Conselhos Estaduais e Municipais, denominado Conselhos em Rede. A campanha permitirá a elaboração de estratégias para capacitar os Conselheiros na atuação em suas respectivas regiões junto aos poderes executivo e legislativo estaduais e municipais, disseminando a relevância e orientando, mobilizando e promovendo a criação dos Conselhos em todos os entes da federação.

Em entrevista à Secretaria Nacional de Juventude, o presidente do Conjuve, Anderson Neto, destacou que a reunião “foi mais uma grande demonstração da qualidade dos quadros que temos no Conjuve e mais uma prova do poder que a união das nossas forças tem de levar esse Conselho a cumprir a sua missão com excelência e efetividade”.

Participantes da Mesa Ampliada. Foto: Arquivo pessoal.

Criado em 2005, o Conselho dá voz à realidade da juventude no Brasil, propondo diretrizes voltadas a políticas públicas e desenvolvendo estudos e pesquisas sobre a realidade socioeconômica desta geração. O Conjuve é composto por 1/3 de representantes do poder público e 2/3 da sociedade civil, totalizando 60 membros.

A próxima reunião está marcada para o início de fevereiro e dará prosseguimento aos projetos e estratégias aperfeiçoados desde a primeira Mesa.