BRICS (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul)

2_BRICSForum_2014 - Foto: Roberto Stuckert Filho/PR

O nome BRICS é originário de um estudo realizado pelo economista Jim O’Neill, em 2001, e faz referência à primeira letra dos países que compõem o grupo, em inglês. Hoje, é visto como uma entidade político-diplomática, a qual promove a relação entre chefes de Estado e Governo dos países componentes.

O BRICS é atualmente formado pelo Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul, considerados em ascensão econômica internacional. Brasil, Rússia, Índia e China fazem parte da entidade desde 2006, quando ocorreu a primeira reunião entre os líderes de governo. A África do Sul passou a integrar o grupo em 2011.

 

BRICS Summit

O BRICS Summit foi criado com o propósito de estreitar o diálogo entre os países-membros, com base em dois pilares – coordenação em foros multilaterais, com ênfase na governança econômica e política, e cooperação entre seus membros.

A relação entre os países do BRICS vai além das reuniões entre líderes, contemplando também ministérios, altos funcionários governamentais, empresários e acadêmicos. Durante esses encontros, são trabalhados temas como Finanças e Bancos Centrais, Comércio, Foro e Conselho Empresarial, Foro Financeiro, Foro Acadêmico e Conselho Think Tanks, Saúde, Ciência e Tecnologia, Segurança, Agricultura e Estatística.

Em anos anteriores, o BRICS Summit, que sempre dá origem a um Plano de Ação final, teve como resultados a própria criação dos Conselhos Empresarial e Think Tanks, o estabelecimento do Banco de Desenvolvimento dos BRICS e o Acordo de Reservas de Contingência.

A primeira conferência aconteceu no ano de 2009, em Ecaterimburgo, na Rússia. Desde lá, já passou por Brasília (Brasil/2010), Sanya (China/2011), Nova Delhi (Índia/2012), Durban (África do Sul/2013), Fortaleza (Brasil/2014) e Ufa (Bascortostão, Rússia/2015). Em 2016, em sua 8ª ediçã, o BRICS Summit volta a Nova Deli, na Índia – este também é o ano em que a Índia passa a presidir o bloco, a partir de fevereiro.

 

Civic BRICS

Em 2015, também ocorreu, pela primeira vez, um evento do BRICS destinado à sociedade civil, paralelamente ao BRICS Summit: O Civic BRICS, em Moscou, na Rússia. O intuito foi promover o debate a respeito de assuntos relevantes para a sociedade como um todo – saúde pública, educação, cultura, problemas de urbanização, desenvolvimento, finanças, resolução de conflitos, entre outros.

Para isso, 500 representantes da sociedade civil dos países membros do BRICS, além de convidados (Argentina, México, Indonésia e Egito), se reuniram em junho. O fórum contou com a participação de organizações não-governamentais, comunidade acadêmica, peritos independentes e cidadãos dos países-membros e de outros relevantes às discussões.

 

 Youth BRICS 

O Youth BRICS é um evento que busca criar um diálogo construtivo entre a aliança de cooperação internacional e jovens líderes da sociedade civil sobre os mais importantes temas. Dentre eles, cooperação econômica (energia, finanças, investimentos de empreendedorismo), cooperação na esfera política (segurança global e desenvolvimento institucional), cooperação humanitária (sociedade civil, educação informal e políticas sociais), cooperação entre mídias de massa e cooperação técnica e científica.

No ano passado, jovens líderes se reuniram na cidade de Kazan, na Rússia. A segunda edição do Youth BRICS será organizada pela Índia no segundo semestre de 2016.

  • Categories: Bloco Regional, Economia, Política
  • Ano de Fundação: 2006
  • Sede: Rotativa
  • Número de membros: 5 países